TUDO POR DECIDIR NA ELITE! DESFALQUE LIDERA NA 2ªLIGA APURAMENTO DE CAMPEÃO!

Elite
ARCOV 0-3 Arrebenta Pipas

Arrebenta Pipas depende de si para ser campeão

Mais um derbi em Polvoreira, jogo de fortes emoções em que o espectáculo está sempre garantido. O jogo começou equilibrado, com oportunidades em ambas as balizas, mas até ao descanso o resultado manteve-se inalterado. A segunda parte começa com uma ligeira supremacia do Arrebenta Pipas e ao minuto 31, Pedro Martins coloca o Arrebenta Pipas na frente do marcador. O ARCOV reagiu ao golo sofrido, subindo no terreno, deixando algum espaço nas costas da sua defesa. Ao minuto 42, Élvio Salgado aumenta para dois a vantagem no marcador. Já perto do fim, Hugo Rocha fecha o jogo com o terceiro golo do Arrebenta Pipas.

Hendrix FC 2-3 Lust Bar

Lust Bar estraga festa a Hendrix FC

O Hendrix entrou para o jogo sabendo que em caso de vitória podia comemorar já o título de campeão, mas do outro lado estava uma equipa que ainda acredita que pode chegar à segunda posição. A primeira parte foi equilibrada, mas o Lust Bar demonstrou alguma superioridade. Essa superioridade deu frutos em cima do descanso, com dois golos apontados por Daniel Pereira e Eduardo Monteiro. A segunda parte inicia com o Hendrix a jogar a todo gás e logo ao minuto 29, Paulo Alves reduz para um golo a diferença. O Hendrix continuou a pressionar e ao minuto 40, Élio Augusto restabelece a igualdade no marcador. O jogo estava lançado para os dez minutos finais, que foram emocionantes. Ao minuto 47, Jorge Martins coloca de novo o Lust Bar na frente, confirmando a primeira derrota do Hendrix FC.

Black Tigers FC 4-3 Norcana

Black Tigers consegue primeira vitória

Esperava-se um jogo equilibrado entre as duas equipas que subiram esta época para a divisão de Elite. O Black Tigers entra melhor, abrindo o marcador ao minuto 13 por José Edgar Costa. A vantagem dura apenas um minuto, com Manuel Carvalho a restabelecer a igualdade. O Black Tigers volta a assumir o controlo do jogo e ao minuto 21 e 22 faz dois golos por João Costa e João Abreu. Em cima do descanso, Manuel Carvalho reduz para a diferença mínima o resultado. A segunda parte começa com o quarto golo do Black Tigers por Diogo Pereira. A Norcana sentiu muito este golo e teve muitas dificuldades em voltar ao jogo. Em cima do apito final, a Norcana ainda consegue reduzir, mas a vitória já não fugiu ao Black Tigers.

2ª Liga – Apuramento Campeão
Café Triângulo 4-4 Praça Restauração FC

Natalino Martins segura empate para o Café Triângulo

As duas equipas vinham de derrotas na primeira jornada, por isso a vitória neste jogo era fundamental para não perder o comboio da subida. O Café Triângulo entra melhor no jogo e ao minuto 6, Vitor Oliveira abre o marcador. À passagem dos 10 minutos, Claúdio Cunha faz o segundo do Café Triângulo. A Praça Restauração começa a reagir à desvantagem e consegue ao minuto 16 reduzir para um golo a diferença no marcador por intermédio de Natalino Martins. O mesmo jogador ao minuto 21 restabelece a igualdade no marcador. Em cima do descanso, Óscar Silva volta a colocar o marcador a favor do Café Triângulo. A segunda parte começa com o Praça Restauração a jogar ao ataque para tentar chegar à igualdade, mas o Café Triângulo fechava-se bem e conseguia a aguentar a vantagem. À entrada dos dez minutos finais, Fábio Ferreira volta a colocar o marcador empatado, mas, apenas, dois minutos depois, Vitor Ribeiro faz o quarto golo do Café Triângulo. Ao minuto 46, Natalino Martins completa o hat-trick e coloca o resultado final em 4-4.

Barcafute 2-7 Desfalque 04

Primeira parte de luxo do Desfalque 04 garante liderança

Entrada em jogo de rompante por parte do Desfalque, que logo ao minuto 3 já vencia por 1-0, golo apontado por Filipe Falcão. Apesar da desvantagem da Barcafute era o Desfalque que continuava a criar mais perigo e ao minuto 14, Filipe Falcão faz o segundo da sua conta pessoal e da equipa. Mais perto do intervalo, mais dois golos para o Desfalque apontados por João Alves. A segunda parte começa, com uma reação da Barcafute na tentativa de reduzir o marcador e ao minuto 30, João Cardoso faz o 4-1. Três minutos mais tarde, Hugo Lima volta a fazer golo para a Barcafute, reduzindo para dois golos a diferença no marcador. A Barcafute continuou a carregar e o Desfalque teve de se fechar mais e jogar na transição. Ao minuto 47, João Alves dá o pontapé final nas dúvidas fazendo o 5-2. Ainda surgiram mais dois golos para o Desfalque apontados por Filipe Falcão e João Alves.

Imagem Diagnostica FC 3-3 Sodamieks FC

Empate, em jogo que ambas as equipas mereciam ganhar

Jogo mais aguardado da jornada, entre os dois vencedores de série. Os Sodamieks, equipa que só tinha vitórias em jogos para o campeonato, começou melhor e ao minuto 3 abriu o marcador por Diogo Pereira. A Imagem Diagnostica, sabia da importância do jogo, aumentou a pressão e ao minuto 17 fez a igualdade no marcador. Resultado que as equipas saíram para o intervalo. Na segunda parte, volta a equipa de Guimarães a entrar melhor no jogo e ao minuto 36, Filipe Carvalho faz o segundo golo dos Sodamieks. Os dez minutos finais foram emocionantes, com Pedro Silva ao minuto 42 a fazer o 2-2. Dois minutos depois, os Sodamieks voltam à vantagem, com um golo de Júlio Oliveira, mas em cima do apito final, Gerson Lemos coloca o marcador final em 3-3.

Liga de Verão
Série 1
ADC Lamas 5-7 Robocopos

Ricardo Cunha em forma na vitória dos Robocopos

Jogo entre equipas que tiveram inicios de competição diferentes. O Lamas venceu o seu primeiro jogo, enquanto os Robocopos começaram com o pé esquerdo a competição. Os Robocopos começaram melhor e ao minuto 6, Ricardo Cunha faz o primeiro golo. Logo no minuto seguinte, Carlos Pessoa aumenta para dois a diferença no marcador. O jogo estava bom e aos 9 minutos, Nuno Alves reduz para 2-1, mas no minuto seguinte mais um golo para os Robocopos apontado por Ricardo Cunha. Ao minuto 17, Hugo Teixeira volta a reduzir para o Lamas, mas em cima do intervalo, os Robocopos disparam para 5-2, por intermédio de Rui Soares e Jorge Silva. A segunda parte começa com o Lamas ao ataque e a conseguir reduzir logo ao minuto 28 por Carlos Pereira. Ao minuto 32, Ricardo Cunha faz o 6-3 para os Robocopos, dando o sinal que estava resolvido o jogo. Apesar disso, o Lamas não baixa os Braços e em dois minutos, consegue reduzir para a diferença mínima e ainda faltava 5 minutos para o final do jogo. Os Robocopos aguentaram a pressão do Lamas e em cima do apito final, Ricardo Cunha faz o golo que acaba com as dúvidas.

ZUFIT 5-5 Velhotes

Diogo Beito gelou os Velhotes!

Início de jogo fortíssimo dos Velhotes, que ao minuto 3 já vencia por 2-0. Rafael Oliveira e Tomás Ferreira fizeram o gosto ao pé. O Zufit sentiu os golos, mas começou a reagir e ao minuto dez já tinha conseguido empatar o jogo. Diogo Beito foi o responsável pelos dois golos. Ao minuto 12, os Velhotes voltam de novo à vantagem, com o autor do golo a ser Rafael Oliveira. O Zufit volta a responder bem à inferioridade e ao minuto 17 empata o jogo por Hugo Henriques e em cima do intervalo, o mesmo atleta coloca o Zufit pela primeira vez em vantagem. Na segunda parte, os Velhotes tiveram de assumir mais o jogo. O resultado desta estratégia chegou ao minuto 36, com Tiago Cruz a empatar o jogo a quatro golos. À entrada dos cinco minutos finais, Tiago Cruz coloca os Velhotes na frente do marcador. Mas em cima do apito final, Diogo Beito, completa o hat-trick, e coloca o resultado final num empate a cinco.

Série 2
Galáticos 3-2 Já Papasses

Galáticos consegue a primeira vitória!

Jogo com duas partes distintas, com uma primeira parte dominada pelos Galáticos e uma segunda parte, em que os Já Papasses foram superiores. Os Galáticos começam o jogo ao ataque e ao minuto 11, Jorge Pacheco abriu o marcador para os Galáticos. Ao minuto 17, o mesmo, Jorge Pacheco fez o segundo golo da sua equipa. Ao intervalo, vantagem de dois golos para os Galáticos. No arranque da segunda parte, Jorge Monteiro completa o seu hat-trick colocando o marcador em 3-0. Os Já Papasses começaram a reagir à desvantagem e ao minuto 40 consegue reduzir para 3-1 por Cláudio Guimarães. No último minuto, Nuno Machado reduziu para a diferença mínima, mas já não havia tempo para chegar ao empate.

Sharks FC 4-5 Anexos FC

Anexos começa com pé direito a competição

Jogo emocionante, de parada e resposta, com muitas oportunidades. O primeiro golo surgiu ao minuto 10, para os Anexos, apontado por Alberto Salgado.  A resposta dos Sharks foi imediata e ao minuto 13, José Pereira faz o empate. Ao minuto 15, João Abreu volta a colocar os Anexos em vantagem. O jogo estava muito partido e ao minuto 19, José Pereira faz mais um golo, colocando o resultado empatado a dois golos. Em cima do descanso, Pedro Oliveira coloca os Anexos em vantagem no intervalo. Os Sharks entra na segunda parte mais forte e rapidamente chega à igualdade por Hugo Abreu. Aos 32 minutos, Bernardino Nevoa volta a colocar os Anexos na frente e apenas cinco minutos mais tarde, João Teixeira faz o 5-3. Os Sharks consegue reduzir por Hugo Abreu, mas a vitória seria dos Anexos.

Turnlabel Foot 7 5-1 Guardizela

Turnlabel consegue segunda vitória consecutiva

O Guardizela vinha de um resultado menos bem conseguido, por isso este jogo tinha uma maior importância para eles. Mas foi o Turnlabel a entrar melhor e a abriu o marcador ao minuto 16 por Sérgio Machado. A resposta do Guardizela foi imediata e ao minuto 18 Tiago Carmo repõe a igualdade. Aos 21 minutos Carlos Cruz volta a colocar o Turnlabel na frente do marcador. Na segunda parte, o Guardizela entra mais forte em busca do empate, mas quem volta a marcar é o Turnlabel ao minuto 39. Este golo desorientou a equipa do Guardizela e permitiu ao Turnlabel tranquilizar-se. Nos últimos minutos ainda surgiram mais dois golos para o Turnlabel, fechando o resultado em 5-1.

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.
EnglishFrenchPortugueseSpanish